Seja bem-vindo
São Paulo, 21/04/2024

    • A +
    • A -
    Publicidade

    Cristãos são mortos em ataque à igreja na África

    Entenda como a perseguição vem crescendo no continente africano


    Cristãos são mortos em ataque à igreja na África Freepik

    Ataque a uma igreja mostra como a violência e perseguição contra cristãos continuam crescendo na África.

    O que aconteceu:

    Doze pessoas foram mortas instantaneamente e outras três foram hospitalizadas, após um ataque que aconteceu no final de fevereiro, quando homens invadiram um culto cristão em Burkina Faso, na África.

    “Um oficial da igreja indicou que os homens armados eram suspeitos de serem militantes islâmicos”, contou uma testemunha a um site cristão internacional

    O que você precisa saber:

    A igreja atacada fica localizada na aldeia de Essakane, na província de Oudalam, perto da fronteira entre Mali e Níger. Local próximo ao epicentro do conflito com insurreição jihadista, onde acontecem um dos piores episódios de violência contra cristãos.

    Desta forma, em média, 2 milhões de burquinenses, 1 em cada 10, foram deslocados internamente devido à insegurança no país, e pelo menos 800 mil pessoas vivem sob o cerco de um grupo militante islâmico. 

    Mesmo  Burkina Faso sendo um país conhecido pela tolerância religiosa, por causa dos grupos islamitas no local, ameaças e aumento da violência tem feito os cristas serem impactados.





    COMENTÁRIOS

    Buscar

    Alterar Local

    Anuncie Aqui

    Escolha abaixo onde deseja anunciar.

    Efetue o Login