Seja bem-vindo
São Paulo, 21/04/2024

    • A +
    • A -
    Publicidade

    Abraão: um legado de Fé e Obediência

    Vemos que Abraão enfrentou a maior provação de sua vida ao entregar a Deus o filho tão esperado por muitos anos

    Fonte: Bíblia Sagrada/Universal.org/CP
    Abraão: um legado de Fé e Obediência Divulgação/Seriella Produções

    Você já parou para pensar sobre a importância de Abraão na Bíblia? Com que frequência nos questionamos sobre a origem da Fé em um único Deus?


    Vamos descobrir mais sobre Abraão, sua trajetória e alguns ensinamentos que podemos aprender com a sua jornada?


     Deus começou a próxima etapa do Seu plano de salvação ao chamar Abrão, que mais tarde seria conhecido como Abraão. Deus selecionou Abrão para deixar Ur, sua terra natal, e iniciar uma jornada em direção a uma nova terra, que Ele revelaria mais tarde. Esses acontecimentos estão descritos em Gênesis 12:1-3 e também são mencionados em Atos 7:2-4.


    No começo conhecido como "Abrão", que quer dizer "o pai é exaltado", seu nome foi alterado para "Abraão", que significa "pai de uma multidão", quando Deus estabeleceu com ele uma aliança especial, como descrito em Gênesis 17. Deus garantiu a Abraão que ele se tornaria o pai de muitas nações, mesmo diante das circunstâncias que pareciam impossíveis. Abraão e sua esposa, já em idade avançada, dariam à luz um filho. A fé de Abraão se destacou ao confiar em Deus, apesar da improbabilidade biológica, mostrando a convicção de que Deus cumpriria Suas promessas.


    Quem foi Abraão?


    Abraão é o décimo descendente de Sem. De acordo com o capítulo 11:10-32, ele gerou Arfaxade dois anos após o dilúvio. Se fizermos a contagem, é provável que Abraão tenha nascido cerca de trezentos anos depois da grande inundação.

    Como já dito anteriormente, a sua origem é de que ele era de Ur dos caldeus – uma cidade da Mesopotâmia – de onde saíram para habitar na terra de Canaã, em Harã.


    A história de Abraão


    Deus convocou Abrão a deixar sua terra natal e ir para um lugar que Ele revelaria. Em total obediência, ele partiu acompanhado de sua esposa Sarai e seu sobrinho Ló (Gênesis 12:1-4).


    Em Gênesis 17:1-7, vemos que o Senhor mudou os nomes deles para Abraão e Sara, simbolizando a aliança estabelecida entre eles e Deus.




    Apesar da idade avançada e da infertilidade de Sara, Deus prometeu-lhes um filho. Abraão era conhecido por sua grande riqueza e por procurar manter boas relações com seus vizinhos, pois precisava de pastagens para seu rebanho.


    Gênesis torna-se a novela de maior sucesso em 5 anos na Record TV - Área VIP


    O que mais sabemos sobre o pai da fé


    Com frequência, mencionamos esse personagem como alguém de uma fé inabalável, mas ao analisar o livro de Gênesis, descobrimos situações em que ele se viu em falhas, como:


    No Egito ele mentiu que sua esposa era apenas sua irmã para que os egípcios lhe preservassem a vida.  (Gn 12: 11-13)

    Deus precisou reforçar a promessa e a fé quando passou o tempo e ele não teve filhos. (Gn 15: 2-6)

    Ele falhou quando cumpriu os códigos legais para a mulher estéril da época e teve um filho com Agar. (Gn 16: 1-2)

    Não foi muito justo quando deixou sua esposa expulsar Agar sem tentar conciliar o conflito. (Gn 16: 6-14 e 21:10-20)

    Mentiu novamente em relação à Sara. (Gn 20:2)


    Essas passagens bíblicas evidenciam os desafios pelos quais podemos passar enquanto nossa fé está em desenvolvimento, já que enfrentaremos várias provações ao longo de nossa trajetória.


    Isso ficou evidente na vida do pai da fé, que não contava com orientações claras, nem havia igrejas ou textos sagrados para recorrer. Na verdade, sua própria história serviu de alicerce para a construção da Bíblia que conhecemos atualmente.


    Sua fé, obediência e confiança em Deus são exemplos a serem seguidos.


    Se quiser conhecer melhor a trajetória de Abraão, sugerimos que você leia e reflita sobre a sua história na Bíblia.


    Gênesis 11-25: a história de Abraão é narrada em detalhes no livro de Gênesis.

    Hebreus 11: onde Abraão é mencionado como um exemplo de fé.

    Romanos 4: a fé de Abraão é considerada fundamental para a justiça.


    *Todas as imagens são da produtora Seriella*




    COMENTÁRIOS

    Buscar

    Alterar Local

    Anuncie Aqui

    Escolha abaixo onde deseja anunciar.

    Efetue o Login