Seja bem-vindo
São Paulo, 04/03/2024

    • A +
    • A -
    Publicidade

    Estudo Bíblico - Parte 16: Êxodo 32 e 33

    A primeira coisa a ser feita é deixar a mentira


    Estudo Bíblico - Parte 16: Êxodo 32 e 33 UNIGREJAS

    Vamos continuar o nosso estudo bíblico com base em Êxodo 32 e 33.


    Em Efésios 4:22-23, Deus fala novamente sobre se despojar, tirar de si a velha criatura, “Que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelas concupiscências do engano; E vos renoveis no espírito da vossa mente;”

    É o que nos temos feito neste Jejum de Daniel, renovando a nossa mente, e colocando os pensamentos de Deus em nossa vida. O Espírito Santo é o Autor dessa renovação e faz isso para que os filhos de Deus não se corrompam nem se percam em sua jornada cristã. 

    “E vos revistais do novo homem, que segundo Deus é criado em verdadeira justiça e santidade.” Efésios 4: 24

    Em outras palavras, Paulo está falando em se despojar do velho homem. E no versículo 25 diz “Por isso deixai a mentira, e falei a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros.”

    A primeira coisa a ser feita é deixar a mentira, ora quem mente tem como pai o diabo, porque o diabo é o pai da mentira. 

    “Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira.” Efésios 4:26

    Deus sabendo da nossa humanidade, é normal a pessoa ficar nervosa, mas esse momento de furor não pode se tornar um pecado, tomar atitudes erradas. Não ficando com essa ira, então peça perdão e se arrependa caso cometa erros. 

    No versículo 27 e 28 diz “Não deis lugar ao diabo. Aquele que furtava, não furte mais; antes trabalhe, fazendo com as mãos o que é bom, para que tenha o que repartir com o que tiver necessidade.”

    “Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem. E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção. Toda a amargura, e ira, e cólera, e gritaria, e blasfêmia e toda a malícia sejam tiradas dentre vós,” Efésios 4:29-31.

    Paulo enumera alguns pecados que desonram o Altíssimo e impõem dor ao Seu Espírito, como amargura, ira, blasfêmia, malícia, entre outros. A malícia, por exemplo, tem sido um dos principais motivos de corrupção e da queda espiritual de muitos cristãos que outrora eram fervorosos na fé. Quando Paulo adverte contra esse pecado, na verdade está advertindo contra a má consciência, que corrompe o bom proceder diante de Deus. Por isso, é necessário tirar os ornamentos, fazer uma limpeza espiritual.

    “Antes sede uns para com os outros benignos, misericordiosos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo.” Efésios 4: 32. 

    Vamos nos preparar para este dia 16 de dezembro, às 9h30, você vai fazer um grande clamor no Congresso Renovação Quero Ver a Tua Glória, no Centro de Eventos da Unigrejas.

    Assista ao vídeo:




    COMENTÁRIOS

    Buscar

    Alterar Local

    Anuncie Aqui

    Escolha abaixo onde deseja anunciar.

    Efetue o Login