Seja bem-vindo
São Paulo, 04/03/2024

    • A +
    • A -
    Publicidade

    Presente x holocausto

    Os religiosos fazem presentes, já os fervorosos sacrificam

    Presente x holocausto

     Os religiosos fazem presentes (ofertas, esmolas, caridades), esperando melhoras.

    Já os fervorosos, revoltados fazem sacrifícios de holocausto, porque querem uma transformação.

    Deus Pediu, e ainda hoje Pede, o holocausto, porque somente o holocausto para Ele têm o poder de nos:

    – LIBERTAR do apego às coisas, costumes, vontades, manias… e até de pessoas, lugares, tradições.

    – TIRAR da rotina espiritual, pessoal, conjugal, familiar, ministerial, profissional e social.

    – REALIZAR ESPIRITUALMENTE, porque passamos a ter mais momentos com Deus. Os holocaustos nos “obrigam” a ficar perguntando a Deus: “O que o Senhor Quer que eu faça, fale, pense…? Qual é a Tua Vontade, meu Pai?”

    – REALIZAR EM OUTRAS ÁREAS, porque nos faz ficar na dependência, e isso dá liberdade ao Espírito Santo de nos Ensinar, Inspirar, Guiar, Usar… para a Sua Glória.

    – PROTEGER, porque nos deixa na total dependência de Deus. E é aí que crescemos e amadurecemos como pessoas e cristãos. Porque nos damos conta de que aquilo, aqueles, lugares, costumes nos colocavam em perigo, nos faziam vulneráveis.

    Presente é uma decisão pessoal da pessoa agradecida por algo:

    "Rogo-te que daqui não te apartes, até que eu volte e traga o meu presente, e o ponha perante ti. E disse: Eu esperarei até que voltes. Juízes 6:18"

    Gideão, a exemplo da maioria das pessoas, primeiro quer oferecer o “presente” sem haver levantado o Altar. Da mesma forma fazem aqueles que oram, jejuam, cantam louvores, vão à Igreja…, mas não querem subir ao Altar e sacrificar suas próprias vidas.

    Como aquelas pessoas que sobem ao Altar, apenas com o pedido para resolver um problema e ter paz, mas seguem com mesma vida, com Bênçãos pontuais, mas não trocam de espírito.

    Porém, depois que Gideão levantou o Altar e sacrificou o que Deus lhe Pediu – o holocausto, o sacrifício completo – foi quando houve a troca de espírito.

    Você deve se situar em qual destas 3 condições você vai subir ao Altar nesta Fogueira Santa, neste Domingo, dia 16:

    – Quando Gideão presenteou o cabrito, foi da cabeça dele, porque o Anjo não lhe havia pedido nada…

    – Quando oferecemos um presente para Deus, uma oferta normal ou boa, que nem mexe conosco, essa não incomoda o mal, não chama a atenção de ninguém, e nem Deus aprova. Então, há silencio por parte de Deus, fica tudo do mesmo jeito, inclusive a própria pessoa.

    – O Holocausto é Deus quem Pede diretamente para cada um de nós, porque só Ele Sabe os limites de cada um. Nessa Fogueira Santa, Deus Pede um Holocausto e não um presente.

    "E aconteceu naquela mesma noite, que o Senhor lhe Disse: Toma o boi que pertence a teu pai, a saber, o segundo boi de sete anos, e derruba o altar de baal, que é de teu pai; e corta o poste-ídolo que está ao pé dele.
    E edifica ao Senhor teu Deus um Altar no cume deste lugar forte, num lugar conveniente; e toma o segundo boi, e o oferecerás em holocausto com a lenha que cortares do bosque. Juízes 6:25-26"

    Outra coisa importante é que quando oferecemos o que Deus Pede, todos se levantam contra nós. Repare que horas depois de Gideão sacrificar para Deus o que Ele havia pedido, os homens daquela cidade queriam matar Gideão, porque o altar de baal havia sido destruído, o poste-ídolo cortado e o boi novo e forte, que eles haviam guardado com muito cuidado, foi sacrificado.

    "Então os homens daquela cidade disseram a Joás: Tira para fora a teu filho; para que morra; pois derribou o altar de Baal, e cortou o bosque que estava ao pé dele…
    E todos os midianitas e amalequitas, e os filhos do oriente se ajuntaram, e passaram, e acamparam no vale de Jizreel. Juízes 6:30-33"

    E os inimigos também se acamparam contra Israel.
    Veja que o sacrifício ao Deus-Vivo incomoda aos acomodados, aos religiosos, aos irmãos e aos maus em geral. Porque os demônios sabem que perderam o poder sobre a vida daquela pessoa, família.

    Não sabemos se aquele boi era o reprodutor e o arador (ajudava a preparar a terra para o plantio), – ou talvez até estivesse sendo guardado para ser oferecido em sacrifício para baal –, mas uma coisas é certa: aquele boi era o boi novo que estava sendo guardado, poupado para algo… mas não era para o Senhor. E foi justamente o que Deus Pediu!

    Bem, espero que você tenha entendido e tenha disposição para fazer o holocausto que Deus já lhe Pediu.

    Força, você pode!!!

    author avatar   Bispo Júlio Freitas 










    COMENTÁRIOS

    LEIA TAMBÉM

    Buscar

    Alterar Local

    Anuncie Aqui

    Escolha abaixo onde deseja anunciar.

    Efetue o Login